CONSUMISMO: UMA PATOLOGIA CONTEMPORÂNEA?

mandalay-bay-retail-resort-shops-shopping-bags.tif
admin
24 de abril de 2018

O consumismo é um termo cada vez mais utilizado para ser lembrado dos gastos desnecessários das pessoas. Segundo Cortez (2009), “Consumismo é o ato de consumir produtos ou serviços, muitas vezes, sem consciência” (p. 35). Poderia o consumo pode ser considerado prejudicial para a própria saúde como pode ser prejudicial para o meio ambiente?

O consumismo surge da necessidade de autoafirmação e satisfação dos prazeres e sonhos de uma sociedade cada vez mais individualista e menos aprofundada socialmente. Essa sociedade tem a necessidade de realizar vontades e desejos, e essa realização se dá através do consumo. Essa situação psicossocial começa a tomar forma em meio à fragmentação cultural trazida pela pós-modernidade, período caracterizado pela multivalência ou pluralidade.

O consumo é envolvido por características de anseio por mudanças rápidas e inovadoras. O consumidor surge como um indivíduo cuja subjetividade é mutável, plural e fragmentária. Dessa maneira, ele torna-se confuso e suscetível a ser seduzido facilmente, também por estar imerso em um universo de muito dinamismo, novidades diárias e estratégias que o farão agir na impulsividade.

CORTEZ, ATC., and ORTIGOZA, SAG., orgs. Da produção ao consumo: impactos socioambientais no espaço urbano [online]. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2009. 146 p. ISBN 978-85-7983-007-5. Available from SciELO Books <http://books.scielo.org>.

Psicóloga Vanessa Castro CRP- 01/20004

Comments are closed !